sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Sob a proteção de ninguém


Alguns blogs noticiaram essa semana que o deputado Valdir Rossoni, presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (Alep) não está mais começando as sessões com a expressão “Sob a proteção de Deus iniciamos nossos trabalhos”.

Apesar de ser um claro desrespeito à noção de Estado Laico, a expressão é exigida pelo artigo 88 do Regimento Interno da Alep.

"Art. 88. Na hora do início da sessão, achando-se presente na Casa pelo menos a décima parte do número total de Deputados, desprezada a fração, o Presidente declarará aberta a sessão, usando a expressão: “SOB A PROTEÇÃO DE DEUS INICIAMOS NOSSOS TRABALHOS”."

Ainda não vi uma declaração do Rossoni sobre a mudança. Portanto ainda não está claro se a alteração foi intencional ou por acaso (vale lembrar que ele está há pouco tempo no cargo)

E apesar da suposta proteção divina, a primeira grande polêmica desse ano na Alep envolvia justamente os seguranças da casa, resultando na ocupação do prédio por mais de 150 policiais militares.


Só pra constar, assim como no Congresso Nacional, o plenário da Alep também tem um crucifixo, colocado sobre o painel eletrônico.

E o gabinete da presidência, ocupado atualmente pelo Rossoni, tem um crucifixo ENORME. Na foto, o Deputado Duilio Genari tomando posse ao lado do presidente da Alep, Valdir Rossoni (direita).

(Crédito das fotos, na ordem: Gazeta do Povo, Reprodução/TV Sinal e Divulgação/Alep)

Nenhum comentário: